Volume
Redes
Sociais
Saiba como amenizar os problemas causados pela umidade em casa

Dicas simples e práticas ajudam a deixar o temido mofo em paredes e roupas bem longe da residência

 

Resultado de imagem para parede com umidade

 

A umidade é um problema estrutural que provoca

acúmulo de água na região das paredes,

teto ou solo, causado geralmente por algum

tipo de infiltração. Os sinais aparentes

deste tipo problema são escurecimento

ou alteração da pintura,

deslocamento de pedras ou revestimentos

cerâmicos, bolhas que estouram na parede,

fissuras ou trincas.

No entanto, quando estes sinais já

começam a aparecer é sinal que o

problema já está em fase muito avançada.

 

Causas da umidade

 

Antes de resolver os estragos provocados

na parede, é necessário diagnosticar a

causa do problema. O ideal segundo

os especialistas é perceber o

problema antes que ele comece a de

monstrar os primeiros sinais.

 

Ao contrário do que se pensa

a umidade não está relacionada exclusivamente

com as alterações climáticas, pois,


esse estrago pode aparecer por

diversos motivos, como falta

de calha ou rufo ao redor da edificação,

entupimento da calha, falta de projeto

de impermeabilização, materiais inadequados,

impermeabilização mal feita, mão de obra

despreparada, contato direto com a parede

do vizinho (geralmente em terrenos íngremes), dentre outros.

 

 

 

Resultado de imagem para umidade no banheiro

 

Banheiro

 

O banheiro é um dos principais afetados

quando o assunto é a umidade.

Geralmente, o teto fica escuro devido ao mofo.

Outro problema são os rejuntes dos azulejos,

que também podem acumular fungos.

A principal forma de evitar o aparecimento

desses inquilinos é ventilar o ambiente.

Depois do banho, abra a janela do banheiro

para sair o vapor, assim como a porta.

 

Resultado de imagem para azulejo com umidade banheiro

 

Quem não tem janela no banheiro deve contar com

exaustores para tirar a umidade e, de preferência,

manter a porta do banheiro aberta o maior tempo possível.

Secar as paredes com toalhas ou papel não é necessário.

Caso o mofo apareça, deve-se imediatamente limpá-lo,

ou ele pode se espalhar nos rejuntes e no teto.

Resultado de imagem para vapor de agua

Utilize uma esponja macia com água e sabão neutro.

Nos rejuntes dos azulejos, a mesma fórmula funciona.

Alvejante e cloro podem ser usados, mas se corre

o risco de deixar a superfície amarelada.

Quando o mofo impregnar no material, será

necessário tomar medidas mais drásticas, como descascar,

lixar e passar produtos impermeabilizantes.

Usar tinta antimofo também é uma boa opção.

Cozinha

*Ao cozinhar, o vapor das panelas pode tomar conta do ambiente, principalmente aos espaços próximos do fogão.

O ideal é deixar as janelas da cozinha sempre abertas

durante os processos de cozimento.

Resultado de imagem para vapor

*Se tiver uma peça próxima com janela,

é indicado abrir para criar uma corrente de ar 

*Quando o bolor aparecer nas paredes

ou azulejos, siga os mesmos procedimentos

usados no banheiro – de preferência, uma

esponja com água e sabão neutro.

Tinta antimofo pode ser usada na casa

toda e é uma boa indicação.

Resultado de imagem para umidade

Ventilação e iluminação

Esse é o lema contra a umidade. Abra as janelas

da casa e deixe o ar e o sol circular pelas peças

pelo menos duas vezes por semana. Assim, há menos

chances da umidade se acumular e de

aparecerem bolhas, mofos e manchas em sua casa.

Resultado de imagem para ventilação

Não deixe tudo fechado por estar frio.

*É a maior arma. Se a casa não ventilar,

independentemente da peça, a umidade toma conta.

Não há produto que adiante.

Para auxiliar no processo, a dica é usar um

ventilador nas peças úmidas. Outra boa opção

é ligar o ar-condicionado como desumidificador.

Com relação as estufas, não é indicado utilizá-las

no banheiro, pois a umidade pode levar a

curtos-circuitos e gerar acidentes.

Roupas

Os guarda-roupas fechados em ambientes

úmidos podem ocasionar mofo nas peças.

Pelo menos duas vezes por semana, é indicado

abrir todas as portas do armário por algumas

horas para ventilar. Mexa nas roupas e mude

os cabides de lugar para ajuda a circulação de ar.

Cuidado para o sol não bater diretamente,

pois pode desbotar as peças.

Resultado de imagem para tirar umidade guarda roupa

Dentro do guarda-roupa, deixe um

recipiente desumidificador de ambientes

(disponível em supermercados).

Se o mofo aparecer, use um pano com

vinagre ou álcool para retirar a mancha.

Depois, lave normalmente.

*Quando o bolor fica impregnado na fibra, é muito difícil de tirar.

Em casacos de couro, a dica é passar uma camada fina de cremes hidratantes ou

produtos que dão brilhos em móveis.

Assim, há menos chance do mofo conseguir se acumular.

Imagem relacionada

Outro cuidado importante é com os perfumes.

Não guarde roupas com a fragrância no armário,

pois podem estar levemente úmidas e amarelar.

Já para secar as roupas no inverno, não há mágica.

Estenda no lugar da casa com mais luminosidade possível,

geralmente próximo a janelas.

Paredes

A umidade não ocorre somente nos locais tradicionalmente úmidos,

como banheiro e cozinha. Muitas residências sofrem com bolhas

e mofo nas paredes das salas e dos quartos.

Isso pode ocorrer devido à má impermeabilização no momento da construção,

à pouca iluminação ou à falta de ventilação. Se as primeiras bolhas aparecerem,

é possível estourá-las e pintar novamente a parede para manter

mais um tempo em boas condições – um modo paliativo.

Da mesma maneira, o mofo pode ser limpo com esponja,

água e sabão neutro em primeira instância – não utilize produtos

químicos porque pode-se manchar ainda mais o espaço.

Caso o bolor fique impregnado ou as bolhas se multipliquem,

é necessária uma intervenção mais drástica.

Imagem relacionada

*Nesse momento, será necessário remover o reboco

danificado e passar realizar um processo de impermeabilização.

Não há como protelar mais .

Uma boa dica é usar texturas na parede,

pois demoram mais a deixar a umidade tomar conta e, às vezes,

duram por anos.

Tapetes e cortinas

Se em sua casa bate pouco sol e não há muita ventilação,

remova os tapetes. Esses acessórios podem ficar molhados

e ajudar no acúmulo de fungos e bactérias. Para não sofrer com a umidade,

fuja das cortinas de tecido e opte por persianas.

Resultado de imagem para tapetes e cortinas umidade

*Terá menos chance de criar bolor nas persianas.

Caso apareça algo, é de fácil remoção com pano, água e sabão neutro .

Fique atento

 

O inverno é um período chuvoso e, em função disso, as casas

ficam mais suscetíveis a vazamentos. Fique atento a telhas

e calhas quebradas em casa e faça uma revisão mensalmente.

Muitas vezes, o problema está relacionado com água

acumulada em tetos e paredes,

e não somente com a umidade do ambiente.

 

Resultado de imagem para umidade